Feijó pede votação do fator previdenciário

Hoje (21) fui ao plenário da Câmara fazer um apelo em favor dos aposentados do nosso país.

Não é justo a maneira como eles estão vivendo. São cidadãos brasileiros que passaram grande parte de suas vidas dedicando-se ao trabalho, suando a camisa em favor do nosso país, para um dia ter a paz e tranquilidade de se aposentar de acordo com seus devidos direitos.

Sou a favor que seja votado o fator previdenciário desde que tenha a retaguarda financeira do Governo Federal e seja avaliado com cautela, diferentemente da maneira como fizeram com a votação dos royalties.

Assista ao vídeo do pronunciamento:

Dep. Paulo Feijó a favor do fator previdenciário — 21/11/12


Feijó parabeniza parlamentares pela ética na eleição em Caxias

Aproveitei a oportunidade de estar presidindo a sessão plenária da Câmara dos Deputados na tarde de hoje (21) para parabenizar o deputado Washington Reis, juntamente com o deputado Alexandre Cardoso, pela maturidade política que tiveram, concorrendo à prefeitura de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Ambos os parlamentares seguiram para o segundo turno, tendo como eleito o deputado Alexandre Cardoso. Em todo o momento mantiveram a harmonia e a ética em suas candidaturas. Merecem o nosso reconhecimento porque é assim que se faz política.

Dep. Feijó parabeniza parlamentares que concorreram as eleições em Caxias – RJ


Feijó destaca manifestação contra projeto dos royalties

O Rio de Janeiro não está satisfeito com o resultado da votação dos royalties do petróleo. Em consequência disso, a população do RJ e políticos decidiram fazer um protesto sobre esse projeto que altera totalmente a distribuição dos royalties. Com a expectativa de reunir cerca de 150 mil pessoas, o movimento vai acontecer na próxima segunda-feira, dia 26, e será um clamor do povo do Rio de Janeiro para que a Presidenta Dilma vete o projeto.

Dep. Feijó destaca manifestação no RJ contra novas regras que distribui os royalties – 20/11/12


Deputado Feijó visita sua terra Santa Maria Madalena

Aproveitei o fim de semana para fazer uma visita a minha terra natal, Santa Maria Madalena, para rever os amigos e matar as saudades da minha família. Ainda tive a oportunidade de prestigiar o aniversário do nosso prefeito eleito Clementino, que não tenho dúvidas de que fará um belo trabalho no governo de Madalena.

Aos companheiros da minha terra, um forte abraço.

Como meu amigo, o prefeito eleito de Madalena, Clementino


Feijó apresentará emenda de R$ 500 mil para Fundenor

Na tarde desta quarta-feira (14), fui recebido na Fundenor (Fundação Norte Fluminense de Desenvolvimento Regional) pelo presidente da entidade, José Carlos Menezes, e o diretor Eraldo Bacelar para tratar de assuntos referentes ao desenvolvimento de nossa região. Também participaram da reunião os assessores técnicos da Fundenor, Sérgio Linhares e Vilmar Rangel.

Na ocasião, a diretoria da entidadade fez uma solicitação de emenda no orçamento da União 2013 para instalação do Laboratório de Análises de Produto de Origem Animal, no valor de R$ 500 mil, que apresentarei para apreciação na Câmara.

Na Fundenor com Sérgio Linhares, Eraldo Bacelar, José Carlos Menezes e Vilmar Rangel


Feijó e deputado do Piauí em debate sobre royalties na TV Câmara

Na última semana eu participei de um debate sobre a aprovação do projeto da redistribuição dos royalties, juntamente com o deputado Marcelo Castro do PMDB do Piauí. O programa Brasil em Debate, transmitido pela TV Câmara, teve como medidador Tarcísio Holanda.

Ambos com convicções diferentes, de minha parte expus o meu ponto de vista sobre como essa aprovação prejudica os Estados e municípios produtores de petróleo.

Para a minha surpresa, o deputado Marcelo Castro afirmou que o Rio de Janeiro não produz petróleo, demonstrando total desconhecimento, já que o Rio de Janeiro produz 85% do petróleo nacional.

Talvez o deputado Marcelo Castro não conheça os danos sociais, ambientais e estruturais de uma cidade em função da produção de petróleo. Seria interessante ele visitar o município de Macaé, por exemplo, para ver de perto as dificuldades enfrentadas por municípios que produzem petróleo. E os royalties nada mais são do que indenizações, são direitos previstos na Constituição.

Como parlamentar, em meu quarto mandato na Câmara dos Deputados, minha obrigação é lutar de forma incansável em defesa dos direitos do nosso Estado. E vamos seguir em frente nesta luta.

Vale a pena assistir este debate para entender um pouco mais sobre o assunto.

Dep. Paulo Feijó em debate na TV Camara sobre a aprovação dos royalties


Feijó destaca importância da eleição de Josias Quintal em Pádua

Ontem eu fiz uma saudação, no plenário da Câmara, à população do município de Santo Antonio de Pádua, que acertou em cheio ao eleger para seu prefeito nestas eleições 2012 o ex-deputado federal e ex-Secretário de Segurança do Estado do Rio de Janeiro, Josias Quintal. Eleição esta que representa uma perspectiva de mudança ao município.

Nós do Partido da República (PR), que temos como presidente estadual o deputado Anthony Garotinho, tivemos o privilégio de apoiá-lo em sua candidatura. Um homem de qualidade indescritível, homem público correto e possuidor de um currículo invejável, riquíssimo em experiências.

Com certeza, Josias irá proporcionar à população de Santo Antônio de Pádua o melhor governo de todos os tempos e levará Pádua a ser novamente um dos principais municípios do Estado do Rio.

Dep. Paulo Feijó parabeniza Josias Quintal eleito a prefeito de Santo Antônio de Pádua – 13/11/12


Erros no projeto dos royalties são destacados pelo deputado Paulo Feijó

Hoje fui a plenário destacar os erros que constam no texto do projeto de redistribuição dos royalties do petróleo, que veio do Senado e foi irresponsavelmente aprovado pela Câmara na semana passada. Uma verdadeira afronta aos Estados e municípios produtores de petróleo.

Já se sabe que há erros de cálculo no texto do projeto. Então, diante desta fato fica a pergunta: Será que a presidenta Dilma vai sancionar um projeto com falha gritante? Creio que não, pois confiamos no que disse a presidenta: “Royalties do petróleo, daqui pra trás não se mexe. Vamos discutir daqui para frente”.

Portanto vamos aguardar e confiar na posição firme da presidenta Dilma, que além de defender os direitos da nossa Constituição, ela tem que defender a paz federativa.

Dep. Paulo Feijó aborda sobre imprecisão no projeto dos royalties aprovado na Câmara – 13/11/12


Feijó chama atenção para projetos que devem ter prioridade na Câmara

A Câmara dos Deputados precisa dar valor aos projetos que visam o melhor para a população brasileira. O Brasil está cansado de embromação por projetos que são pautados por interesses eleitorais. Eu tenho visto que projetos prioritários não são pautados, enquanto projetos eleitoreiros são pautados com uma facilidade enorme.

Existe um clamor para que seja pautado, por exemplo, o projeto dos 30% de periculosidade dos vigilantes, de igual modo o projeto de 30 horas para os enfermeiros, sobre o qual também já abordei no plenário da Câmara. Que esses projetos possam ter prioridade e não se repita a mesma cena da PEC 300 dos policiais civis e militares, cujo projeto foi irresponsavelmente aprovado nesta casa, em primeiro turno, em período eleitoral.

E agora mais recentemente o projeto dos royalties – que criminosamente altera a lei de distribuição dos royalties -, foi aprovado. De maneira irresponsável e eleitoral, o presidente da Câmara pautou este projeto, cuja aprovação foi uma tremenda tragédia. É preciso entender que aquele que assume a presidência da Câmara tem que enxergar prioritariamente os interesses do Brasil. Vamos ao pronunciamento que fiz hoje sobre este assunto:

Dep. Paulo Feijó faz apelo por projetos prioritários na Câmara dos Deputados – 13/11/12

 


Feijó faz apelo à presidenta Dilma

É grande a revolta que está causando a aprovação do projeto que redistribui os royalties do petróleo, tanto no Estado do Rio de Janeiro quanto no Espírito Santo. Uma verdadeira lambança o que foi feito!

Mas nós temos muita fé, acreditamos na posição firme da presidenta Dilma, e contamos que ela vete este projeto, que é inconsequente e será extremamente prejudicial aos Estados e municípios produtores de petróleo.

Foi este apelo que fiz hoje (13) em plenário na Câmara dos Deputados:

Dep. Paulo Feijó na expectativa do melhor para os royalties – 13/11/12